Mau hálito e os Cáseos Amigdalianos


Mau hálito, um problema desconfortável em qualquer tipo de relacionamento. Dentre as diversas causas dessa desordem estão os cáseos amigdalianos, que são pequenas massas ou mesmo pedras parecida com um pedaço de queijo com coloração esbranquiçada ou amarelada e odor fétido.

Cáseos Amigdalianos

Eles se formam em pequenas cavidades existentes nas amígdalas, conhecidas como criptas amigdalianas e são compostos por bactérias, células descamadas da boca, proteínas da saliva e restos alimentares.

Os cáseos amigdalianos afetam uma significativa porcentagem da população mundial e mais de 150 mil pessoas no Brasil por ano. Na maioria dos casos estão associados com algumas desordens bucais ou sistêmicas como saburra lingual (retenção de placa bacteriana na língua), doenças na gengiva, inflamação e infecção nas amígdalas.

Cáseos Amigdalianos mau hálito

Além de afetarem as relações interpessoais, devido ao mau hálito que esta condição provoca, os portadores dos cáseos relatam sensação de corpo estranho na garganta, dificuldade de engolir e dor de garganta e ouvido.

Existem diversas opções de tratamentos para os cáseos amigdalianos, sendo o preventivo sempre a melhor opção:

Uma vez que os cáseos estejam instalados nas amígdalas, o tratamento pode ser clínico com a prescrição de anti-inflamatórios e de gargarejos com solução salina e anti-séptica sem álcool. Os gargarejos tornam os tecidos das amígdalas bastante úmidos, o que pode facilitar a liberação dos cáseos.

Cáseos Amigdalianos

Em outros casos, o tratamento deverá cirúrgico com a remoção total ou parcial das amígdalas. Na remoção parcial, são removidas somente as partes que contêm as criptas amigdalianas utilizando laser e permitindo que as amígdalas permaneçam no corpo para ajudar a resposta imune.

Os cáseos amigdalianos podem ser expelidos espontaneamente através da fala, tosse ou espirro. Se isso não acontecer, evite que eles sejam “espremidos” das amígdalas, podendo resultar em ferimentos e infecções no local. Sempre que detectar alguma alteração na sua amigdala ou qualquer estrutura bucal, procure o cirurgião-dentista.

#COP #CentrodeOdontologiaPreventiva #DrFelipeSilva #Drogas #DrEdgardDelPasso #DraJulianaBarbosa #DentistaemCampinas #DentistaCambuí #Cáseos #Caseum #CáseosAmigdalianos #Mauhálito

766 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo